Tanto o transporte marítimo como os portos devem ser pensados, não como entidades separadas, mas como componentes
interligados, como duas peças de uma engrenagem" Koji Sekimizu , Secretário-Geral da IMO

sábado, 31 de março de 2018

O futuro ferry da Atlânticoline



Atenção: Esta foi a tradicional mentira do dia 1 de Abril! :)
Imagens: Flensburger Schiffbau-Gesellschaft; Caledonion MacBrayne.
Fonte da Atlânticoline, revelou que nenhum dos três concorrentes qualificados na primeira fase irá apresentar proposta ao concurso público com publicidade internacional para a concepção-construção do novo navio ferry Ro-Ro com capacidade para 650 passageiros e 150 viaturas. A mesma fonte, alegou que os concorrentes não se enquadraram no valor base do concurso, 48M€. Por este motivo, o GRA avança de imediato para a adjudicação da construção do navio gémeo do ferry "Loch Seaforth" da operadora escocêsa Caledonian MacBrayne. Este é um excelente ferry com provas dadas. O ferry será construído nos estaleiros alemães, Flensburger Schiffbau-Gesellschaft, construtor que goza de grande prestígio internacional, com elevada experiência na construção de navios ro-ro e ro-pax.
Neste blog desde sempre afirmei acreditar que é fundamental um serviço ferry anual, moderno e contemplando todas as suas potencialidades, ou seja, que este possa incluir a  carga rodada inter-ilhas, sendo desta forma a ferramenta perfeita para criação de um verdadeiro mercado interno nos Açores, algo que não existe. A entrada em operação do novo ferry está prevista para 2020, e tenho a mais profunda convicção que será uma grande revolução ao nível da economia insular, transformando o mar que nos separa, numa ponte que nos une! Parabéns Atlânticoline, excelente escolha!



Tipo: RoPax
Comprimento: 117,90 m
Boca: 19,20 m
Calado: 4,80 m
D.W.T.: 1.588 tons
Velocidade: 19,20 nós
Passageiros: 700
Capacidade metros lineares: 376 lm

Navio de pesquisa russo, "Professor Logachev", em Ponta Delgada

Navio de pesquisa russo, "Professor Logachev", que ontem Sexta Feira Santa,  largou ás 11 horas do Porto de Ponta Delgada, depois de uma estadia de 4 dias, para descanso da tripulação e embarque de mantimentos. Este navio esteve nas  Canárias em Janeiro, e  desde essa altura, tem andado em trabalhos no Atlântico, a maior parte do tempo ao largo dos Açores. Os nossos mares tem sido muito estudados desde há anos, pena é que nos Açores e em Portugal pouco se saiba disso e muito pouco se faça. 
 O R / V "Professor Logachev" está a pesquisar 12 objetos de minério de grande porte, dentro da Cordilheira Média-Atlântica, um contrato de 15 anos para a exploração de sulfatos polimetálicos pelo Ministério de Recursos Naturais e Meio Ambiente da Federação Russa e pela Autoridade Internacional para os Fundos Marinhos das Nações Unidas-ISA. Fotos: Direitos Reservados/ Fonte: Sérgio@Cruises.
Nome: Professor Logachev
Nº IMO: 8834691
MMSI: 273456 410
Bandeira: Russia
Operador: Polar Marine Geoservey
Tipo: Navio de pesquisa
Estaleiro: Chernomorskiy, Russia
Comprimento: 104,5 mts
Boca: 16,03 mts
Calado: 5,81 mts
T.A.B: 4504 tons
T.A.L.: 1351 tons
D.W.T.: 1835 tons

sexta-feira, 30 de março de 2018

"Laura S", na Graciosa esta Sexta-Feira Santa


 (©) Copyright fotos:MM Bettencourt, Graciosa.
Registo da escala hoje, Sexta-Feira Santa, do porta-contentores, "Laura S", no porto da Graciosa. O navio da Box Lines, operou um pouco mais tarde do que programado devido à greve que ocorreu nos portos nacionais. Ultrapassada a fase do mau tempo e das greves, esperemos o regresso à pontualidade habitual da Box Lines! 
Aproveito este post para Desejar a Todos  Vós Uma Feliz Páscoa!


Porta-contentores "Passat", estreia-se em Ponta Delgada em dia movimentado

 (©) Copyright fotos: Direitos Reservados.
Algumas fotos gentilmente enviadas por um amigo, obtidas dia 28 de Março, no porto de Ponta Delgada, dia que em que terminou a greve nos portos nacionais. Tal suspensão originou intenso movimento no porto micaelense, onde o grande destaque vai para a estreia do porta-contentores, "Passat", do armador Transinsular, que substitui  o "Monte da Guia"  transferido para a linha da Madeira.
De referir que o "Passat" foi transferido para a linha dos Açores em virtude das dificuldades criadas pela APRAM à  sua operação no porto do Caniçal. Na sequência dessas dificuldades o operador concluiu que não era viável apostar na linha com equipamentos recentes, com mais capacidade e velocidades superiores. Seja Bem-Vindo aos Açores!






quinta-feira, 29 de março de 2018

Novo Plano de Remoção do navio “Mestre Simão” em avaliação


 Copyright fotos: Miguel Nóia, Faial. Texto: Comunicado Atlânticoline
A alteração de última hora de fatores de planeamento do projeto inicialmente aprovado para a remoção do navio “Mestre Simão”, com relevante impacto no tempo de execução, levou a que o acordo comercial entre as partes envolvidas não se concretizasse. 
Na sequência desta alteração, o Clube Shipowner’s P&I e o armador, através da equipa de consultores que tem conduzido o processo negocial desde o início, estabeleceram de imediato negociações com a empresa proponente daquele que, na altura da avaliação das propostas recebidas, foi considerada a segunda melhor proposta. 
Desta forma, foi possível apresentar, no dia 28 de março, o novo plano ao Capitão do Porto da Horta, para apreciação. 
Este novo plano diferencia-se do anterior sobretudo no recurso a capacidades instaladas na Região e no Continente. 
A decisão final relativa à aprovação do plano deverá ser conhecida no início da próxima semana. Caso esta venha a ser favorável, não se preveem quaisquer alterações à estimativa do prazo previsto para o término dos trabalhos, apontado para o final do próximo mês de maio.

Diálogo entre Governo dos Açores e Sindicato leva à suspensão da greve dos trabalhadores portuários nos Açores


Texto:GACS
O Governo dos Açores informa que, na sequência dos contactos mantidos com o Sindicato Nacional dos Trabalhadores das Administrações Portuárias, foi possível chegar a um compromisso negocial que motivou a suspensão imediata da greve dos trabalhadores das administrações portuárias.
Da parte do Governo dos Açores foi reiterada a disponibilidade para o diálogo com o sindicato com vista a alcançar um consenso, ultrapassando assim a situação atual.
O Governo dos Açores, através da Secretaria Regional dos Transportes e Obras Públicas, irá terminar a avaliação em curso e o respetivo enquadramento das pretensões apresentadas pelo sindicato no prazo máximo de quatro semanas.

quarta-feira, 28 de março de 2018

SNTAJP suspende greve nos portos (Em actualização)

Segundo recentes informações, o Sindicato Nacional dos Trabalhadores das Administrações Portuárias  suspendeu a actual greve a partir das 12:00 horas de hoje, dia 28/03/2018. Informa-se também que esta suspensão respeita a todos os portos nacionais.

Porta-contentores "Insular", no Caniçal


© Copyryght fotos:Artur Filipe, Madeira.
Registo fotográfico, gentilmente enviado pelo amigo, Artur Filipe, relativo à escala do porta-contentores "Insular", no porto do Caniçal, Madeira. O navio do armador Transinsular, atracou no domingo  procedente do porto de Ponta Delgada e partiu na 2ª-feira às 17 horas rumo ao porto de Lisboa. O "Insular", actualmente assegura a ligação Açores-Madeira, a única ligação directa entre os dois arquipélagos.





terça-feira, 27 de março de 2018

Porta-contentores "Delphis Gdansk", e o navio de carga geral "BBC Neptun", colidem na Dinamarca


Vídeo: VesselFinder /Fonte gCaptain
Mais uma colisão entre navios, neste caso o porta-contentores "Delphis Gdansk", e o navio de carga geral "BBC Neptun". A colisão ocorreu no estreito de Great Belt, Dinamarca, esta terça-feira dia 27 de março.  Mais informação AQUI!

Obras da Barra (Parte IV)


© Copyryght fotos: MM Bettencourt, Graciosa.
As fotos são referentes ao dia de hoje, e mostram o actual estado da obra. Sempre que possível publicarei regularmente as actualizações.
"O Governo dos Açores, através da Secretaria Regional do Mar, Ciência e Tecnologia, adjudicou à empresa Tecnovia-Açores a empreitada de proteção e estabilização da zona costeira da Barra, em Santa Cruz da Graciosa, num investimento superior a sete milhões de euros.Esta intervenção, inscrita na Carta Regional de Obras Públicas, tem um prazo de execução de 18 meses e consistirá na construção de um quebramar com cerca de 225 metros de comprimento, enraizado no lado norte da baía.A empreitada prevê ainda a proteção marginal de uma nova área de terrapleno de 3.500 metros quadrados, bem como trabalhos de dragagem e a construção de um passadiço pedonal elevado. As obras de proteção e requalificação da orla costeira da Barra vão permitir valorizar esta zona da ilha Graciosa, possibilitando investimentos futuros. texto: GACS."








COMUNICADO DE IMPRENSA − GREVE NACIONAL NOS PORTOS DOS AÇORES −

COMUNICADO DE IMPRENSA
− GREVE NACIONAL NOS PORTOS DOS AÇORES −

Tendo presente a realização esta semana de uma greve, decretada pelo Sindicato Nacional dos Trabalhadores das Administrações Portuárias, para todos os portos de Portugal – Continente e Regiões Autónomas –, para o período de 26 de março a 1 de abril (embora nos dias 31 de março e 1 de abril respeite somente a trabalho extraordinário), a Portos dos Açores, S.A. tem a esclarecer o seguinte:

1. A greve em causa diz respeito a matérias de âmbito geral do estatuto profissional dos trabalhadores portuários, que têm vindo a ser negociadas, a nível nacional, entre aquela estrutura sindical e as diferentes administrações portuárias;
2. Apesar do lançamento desta jornada de luta sindical, a Portos dos Açores, S.A. acredita que, a seu tempo, será ainda possível obter os consensos necessários para evitar o prolongamento desta situação e o seu reflexo na atividade dos vários portos, desde logo os do arquipélago dos Açores, até porque as principais divergências que levaram à marcação desta greve não estão ainda ultrapassadas e as negociações não se encontram totalmente fechadas;
3. Em primeira linha, a presente greve abrange os trabalhadores das carreiras marítimas (tripulações das embarcações de trabalho portuário), o pessoal dos serviços de amarração de navios e os manobradores de equipamentos portuários;
4. Para já, neste primeiro dia de paralisação, os efeitos mais sentidos nos Açores dizem respeito ao navio de cruzeiros “Britannia”, que em face da escala programada para esta segunda-feira no Porto de Ponta Delgada, requereu a utilização de fundeadouro, em vez de acostar no Terminal Marítimo das ‘Portas do Mar’, tendo a operação decorrido normalmente, com os turistas a desembarcar com recurso às embarcações auxiliares daquele mesmo navio;
5. Foi, também, verificada a divergência do navio porta-contentores “Furnas”, do Porto da Praia da Vitória para Ponta Delgada, onde chegará ao início da noite, embora vá ali permanecer, também, em fundeadouro;
6. Nos próximos dias, a manter-se a greve nos moldes decretados, prevêem-se atrasos nas escalas de diferentes navios pelos vários portos da Região, sendo afetados nomeadamente os navios de cabotagem insular e de distribuição de combustíveis líquidos;
7. Cumpre esclarecer que o movimento de navios de tráfego local, quer de mercadorias, quer de passageiros – nomeadamente os que se acham envolvidos no transporte de pessoas entre as ilhas Faial, Pico e São Jorge e entre Flores e Corvo – não é afetado por esta greve;
8. No período de greve em curso não ocorre, entretanto, nenhuma outra escala de navios de cruzeiros turísticos nas ilhas dos Açores;
9. Estão, entretanto, salvaguardados como serviços mínimos os casos de emergência relacionados com segurança de pessoas ou bens e, igualmente, o abastecimento de cada ilha dos produtos essenciais cujos stocks estejam em rutura declarada.

Portos dos Açores, S.A.
26 de março de 2018

segunda-feira, 26 de março de 2018

Revista de Marinha, promove campanha no Facebook sobre a ameaça do plástico à vida marinha

Será que temos consciência da gravidade da ameaça do plástico à vida marinha? A Revista de Marinha vai publicar várias mensagens sobre este preocupante assunto. Se este assunto preocupa-te, convido-te a aderires a esta campanha de sensibilização, visitando a página do Facebook da Revista de Marinha e partilhado o seu post  sobre o assunto  VER AQUI!

Navio de cruzeiros, "Britannia", em Ponta Delgada em dia de Greve


Algumas fotos enviadas por um amigo, que registam a passagem hoje pelo Porto de Ponta Delgada do navio de cruzeiros,  "Britannia", da  P&O Cruises. O curioso desta escala, é que devido   à greve que afecta todos os Portos do Continente Português e Açores, o  "Britannia" teve de fundear, utilizando os tenders  para transportar os milhares de passageiros  para o Terminal de Passageiros Portas do Mar. . O navio transporta cerca de  3900 passageiros e cerca de mil tripulantes, tendo desembarcado num dos pontões da marina cerca de 2000 passageiros. 




domingo, 25 de março de 2018

Porta-contentores, "Laura Maersk" e o "MSC Schuba B" colidem no Porto de Callao, Peru


Vídeo:Youtube/JOSE ANTONIO JARAMILLO BONNEFF
Os porta-contentores, "Laura Maersk"  e o  "MSC Schuba B", colidiram ontem 24 de março, no Porto de Callao, Peru. Segundo as informações no site PortalPortuario.cl, os danos foram de pequena monta (Ver aqui).

sexta-feira, 23 de março de 2018

Portos dos Açores, prevê para 2018 um recorde de 180 000 turistas


© Copyright fotos: Rui Morais; António Simas. Fonte: Norevista.
O Presidente da Portos dos Açores, SA, Eng. Fernando Nascimento, anunciou ontem durante uma conferência de impressa que decorreu no Terminal Marítimo de Passageiros do Porto da Horta, que em 2018 será estabelecido um novo recorde de passageiros em trânsito nos portos açorianos.
Segundo o seu  Presidente a PA, SA, espera em 2018  cerca de 180 000 turistas , um aumento de 32,5% em relação a 2017.  Estes números conferem à Portos dos Açores o terceiro lugar a nível nacional no número de navios, logo atrás de Lisboa e Madeira.

quinta-feira, 22 de março de 2018

N/M "Passat", transferido para a linha dos Açores, por troca com o "Monte da Guia"

 (©) Copyright fotos: Yevgeniy B.; Guilherme Bettencourt.
Fonte: Correio da Madeira / O Mar do Porto Santo Blog.
O jornal madeirense, Correio da Madeira, publicou ontem um interessante artigo (Ler AQUI) sobre as dificuldades criadas pela APRAM à operação do navio porta-contentores "Passat" do armador Transinsular,  no Porto do Caniçal, tendo como consequência, a troca de navios entre a linha da Madeira e a linha dos Açores.
Segundo a publicação do CM, o "Passat" irá passar a operar na linha dos Açores, por troca com o "Monte da Guia". A troca  significa um aumento da capacidade de transporte na linha dos Açores e consequente diminuição na linha da Madeira. O "Passat" irá estrear-se nos Açores na próxima semana.
Nome: PASSAT.
Tipo: Porta Contentores.
IMO: 9326964.
Indicativo: V2GJ8.
MMSI: 305965000.
Bandeira: Antigua e Barbuda.
Porto de Registo: St. John's.
Numero Oficial: 5043.
Donos e Operadores: Reederei Moje GmbH & Co. KG. (Heinz Moje)- Drochtersen, Alemanha.
Classe: DNV-GL.
Ano de Construcao: 2005.
Estaleiro: Pella Sietas GmbH- Hamburgo, Alemanha- Casco#1253.
Comprimento Fora a Fora: 134,44 metros.
Boca: 22,50 metros.
Calado: 8,71 metros.
Arqueacao Bruta: 9,990 toneladas.
Porte Bruto: 11,209 toneladas.
Numero de Tripulantes: 13.
Gruas: 2X 40,00 toneladas.
Potencia de Maquina: 8,399 kW (11,419 hp), 500,00 rpm. 1 helice CP, 130,00 rpm.
Velocidade de Servico: 18,50 nos.
Potencia de Maquinas Auxiliares: 3,000 kW.
Potencia de Geradores Auxiliares: 2,700 kW.
Potencia de Thrusters: 1,200 kW (1,632 bhp).
Nomes Anteriores: Passat (09/2005-11/2005), Maersk Fawley (11/2005-03/2009), CMA CGM Casablanca (03/2009-04/2013)

terça-feira, 20 de março de 2018

Rampa ro-ro do Porto da Calheta




Um registo fotográfico gentilmente enviado por um amigo, relativo à obra de construção da rampa ro-ro do porto da Calheta ilha de São Jorge. A obra foi adjudicada pela Portos dos Açores, SA, à Tecnovia Açores, e está orçada em 599.000.00€.