Tanto o transporte marítimo como os portos devem ser pensados, não como entidades separadas, mas como componentes
interligados, como duas peças de uma engrenagem" Koji Sekimizu , Secretário-Geral da IMO

quinta-feira, 15 de outubro de 2015

Rebocador da Marinha Francesa, "Malabar",no porto da Horta






© Copyright fotos: Miguel Nóia, Faial.

Registo fotográfico da autoria do amigo, Miguel Nóia, relativo à escala ontem no porto da Horta do rebocador da Marinha Francesa, "Malabar".
Nome: MALABAR.
Tipo: Rebocador.
Indicativo: A664.
Bandeira: França
Porto de Registo: Brest.
Donos: Governo Francês.- Paris, França.
Operadores: Marinha Francesa- Paris, França.
Ano de Construção: 1976.
Estaleiro: Oelkers Shipyard- Hamburgo, Alemanha.
Data de Lançamento: 16/04/1975.
Data de Entrada ao Serviço: 03/02/1976.
Comprimento Fora a Fora: 51,00 metros.
Boca: 11,50 metros.
Calado: 6,00 metros.
Deslocamento: 925,00 toneladas.
Porte Bruto: 1,440 toneladas.
Tracção Fixa: 60,00 toneladas.
Potencia de Maquinas: 3,380 kw (4,600 hp). 1 hélice FP.
Velocidade Máxima: 14,00 nos.
Potencia de Geradores Auxiliares: 730,00 kw.
Guarnição: 2 Oficiais, 24 Suboficiais.
Armamento: 2 Metralhadoras de 12,7 milímetros.
 Pesquisa de dados técnicos: Paulo Peixoto, Boston EUA.

2 comentários:

Guilherme Ferreira disse...

Boa Tarde de Hamburgo,

Meu nome é Guilherme Ferreira antigo trabalhador do estaleiro naval Johann Oelkers em Hamburgo Alemanha,
Ando á procura de Fotografiass deste Navio MALABAR que foi feito neste estaleiro,
Eu encontrei este artigo http://oportodagraciosa.blogspot.de/2015/10/rebocador-da-marinha-francesa-malabarno.html
a minha pergunta é, se é possivel colar estas fotos
na minha Pagina http://mailhamburg.com/johann-oelkers.html
O estaleiro do Sr Oelkers foi em 1987 á falencia, , eu prometi-lhe depois de 30 anos que faria uma pesquisa dos navios todos para saber o que foi feito deles.
Este Senhor ( meu antigo Patrao e hoje meu amigo ainda é vivo com 96 anos com que eu mantenho ainda contacto.)


Com os melhores agradecimentos,

Manuel Bettencourt disse...

Bom tarde,

Estas fotos são de um amigo meu, estão assinadas por isso julgo que não tem qualquer problema, julgo mesmo que o meu amigo ficaria satisfeito de as suas fotos terem como destino o ex-dono do etaleiro!

Cumprimentos desde dos Açores, Graciosa
Manuel Bettencourt