Tanto o transporte marítimo como os portos devem ser pensados, não como entidades separadas, mas como componentes
interligados, como duas peças de uma engrenagem" Koji Sekimizu , Secretário-Geral da IMO

domingo, 28 de agosto de 2011

O novo proprietário do ferry "Atlântida" é o Governo da Venezuela

Segundo consta no site SEA-WEB o novo proprietário do ferry "Atlântida" é o Governo da Venezuela, segundo os dados que lá constam o navio mudou de proprietário no dia 26 de Maio de 2011.
Segundo o mesmo site o navio mantém o mesmo nome mas não refere o novo porto de registo nem a bandeira, sendo que este se refere ao Governo da Venezuela como sendo o Grupo proprietário, proprietário registado e operador do navio, sendo que também lá consta que o preço do navio foi 36 milhões de dólares.
A ser este o verdadeiro destino secreto do "Atlântida" a alusão a armadores russos e nacionais terá sido apenas uma manobra de diversão, pois já algum tempo que se esperava que este navio fosse comprado pelo "tio" Hugo Chavez, que o havia referido aquando da sua visita aos ENVC.
(©) Copyright foto: José Modesto, Matosinhos.
(©) Copyright texto: MM Bettencourt, Graciosa.
Pesquisa: Cmdte. Rui Carvalho, Praia da Vitória.
Captura de página do site www.sea-web.com
Reedição do post- 1 de Setembro 2011
Segundo as notícias que vão surgindo em vários órgãos de comunicação social e nomeadamente a Rádio Geice FM ( Viana do Castelo), esta informação patente no site Sea-Web, não será correcta, referindo a mesma rádio que este negócio com a Venezuela está posto de parte. Por enquanto vou esperar pelas cenas dos próximos capítulos, mas acho estranho os dados do referido site.
Ao ler as noticias na Rádio Geice, verifico que este é um tema muito actual e a viagem do "Atlântida" de Viana do Castelo até Lisboa ( base do Alfeite), têm suscitado curiosidade pelo facto do navio ter atingido uma velocidade de 18,9 nós, sendo que segundo parece o plano de reestruturação dos estaleiros prevêem a venda do navio por 25 milhões de euros, cerca de 50 % do seu custo.
Tentarei dentro do possível ir acompanhando esta "viagem" do "Atlântida", mas aconselho aos meus estimados visitantes o site da Rádio Geice FM de Viana do Castelo.

14 comentários:

LUIS MIGUEL CORREIA disse...

Espero que o ATLÂNTIDA seja vendido em breve a alguém digno deste pequeno paquete que os Açoreanos não souberam receber. O navio não pertence aos venezuelanos que se desinteressaram do negócio. Está registado em Viana do Castelo e encontra-se atracado no Arsenal do Alfeite, no Tejo desde 28 de Agosto de 2011.

Manuel disse...

Meu Caro Sr. Luís Miguel Correia, apenas publiquei a informação que consta do sea-web.

Eu espero que para bem do Estaleiro de Viana do Castelo o navio seja vendido e isso ajude a ultrapassar a fase dificil.

Quanto á recusa do navio essa foi da responsabilidade do Governo Açorinano e não do Povo Açoriano, que como deve calcular uns são a favor e outros contra.

Cumprimentos
Manuel

Rui Carvalho disse...

Caro MMB

Percebo a desilusão de muitos, principalmente pelo desperdício de recursos públicos envolvidos, mas ninguém, repito ninguém é obrigado a comer o prato que lhe põem à frente.
A responsabilidade é de todos os envolvidos, e querer fazer crer que os maus da fita são os "AÇORIANOS", que por mero acaso pertencem ao povo Português não me parece elegante.
O estaleiro esteve muito mal, por mera politiquice permitiu que aquele aborto de navio fosse feito naqueles termos, cederam à incompetência dos "cérebros" da Atlanticoline e o resultado foi o que se viu.

Como sempre a culpa morre solteira.

Abraço

ErrE

Anónimo disse...

Apenas quero deixar esta pergunta: Porque razão o navio não tem pavilhão de acordo com a base de dados que cita?

É que o Barco atingiu uma velocidade superior àquela que o Governo açoreano queria!

E aparece com pavilhão açoriano na Base de alfeite.

Manuel disse...

Amigo ErrE, sabes bem a minha opinião pois várias vezes falamos sobre isto, o que mais me deixa triste é esta "guerra", entre Açores e continente. Eu sou açoriano e não tive qualquer culpa nesta história nem meramente moral.
Existe sim culpados mas na minha opinião dos dois lados.
Um Abraço,
Manuel

Manuel disse...

Caro visitante Obrigado pelo comentário, quanto ao facto de o site não ter disponivel essa informação, não sei responder.
Quanto ao que refere da velocidade, ainda bem que esse problema foi ultrapassado, espero que seja uma boa solução.
Um Abraço,
Manuel

Anónimo disse...

Anonimo do link

O Atlantida tem pavilhao dos Açores e esta registado nos Açores porque sempre foi esse o registo dele! ele legalmente para navegar tem que estar registado e ainda o esta conforme o anterior destino.

Inclusivamente o nome dele foi pintado no casco a poucas horas da partida, pois ja tinha sido apagado, para poder navegar conforme todas as nomas

O registo do Atlantida terá que ser mudado quando for adquirido por novo propriatario, ate la fica com pavilhao Açoreano!

Quanto aos Venezuelanos..... desapareceram sem assinar o documento da venda!
Tava tudo tratado,e aprovado, inclusivamente com a instituição bancaria que o ia financiar
Alguem se esqueceu de assinar os papeis!

Nada de mais normal!
Negocios á Socrates!
Os próprios trabalhaores dos ENVC foram alvo de chantagem política durante a última campanha eleitoral

" se Socrates nao vencer as eleiçoes nao ha Atlantida para ninguem!"
" Chavez só negoceia com Socrates"

Nos ENVC ja se sabia que o negócio com a Venezuela era mais uma banhada Socratina para tapar os olhos aos Portugueses!
Uma semana depois de Socrates perder as eleiçoes apareceu nos jornais que afinal os Venezuelanos nao tinham assinado o contrato de venda!

Talvez o Novo Ministro dos Negocios Estrangeiros tenha feito algo mas desconfio que o navio va mesmo para a venezuela

E por favor parem com as "guerrinhas" Açores VS Continente pois o responsavel por tudo a esta hora ja deve estar a gozar a sua reforma dourada de gestor Público

Abraço!

Manuel disse...

Amigo do Link, (pemite-me que te trate assim) Obrigado pela tua informação como vês fiz este post baseado no site, veremos o que nos reserva o futuro.

Faço minhas as tuas palavras, tambem não quero "guerras" Açores vs Continente aqui, este humilde blog não gosta de "guerras".

Um Abraço,
Manuel

Anónimo disse...

Caríssimos,
Peço desculpa se interpretaram o comentário como uma "guerrinha".
Sei o que se passa nos estaleiros, sei o que passou e sei o se vai passar.
Sucede porém que o navio não tem pavilhão açoreano. Tem pavilhão de Portugal. Repito: não tem proprietário nem está registado nos Açores. Vejam o link:
http://www.portodelisboa.pt/portal/page/portal/PORTAL_PORTO_LISBOA/NAVIOS_PILOTAGEM/EM_PORTO?navio=ATL%C2NTIDA&nimo=9434060
E por último deixo-vos este lamento: nunca tomem um anónimo que não pode dar a cara por um inimigo. Não deve existir ninguém em Viana que não tenha lutado tanto contra o Chavez e o César como eu.
Sugiro, entretanto que vejam as notícias de hoje sobre o Atlântida.
Um abraço
P.S. A única pena que tenho é que não exista em Portugal um Governo que obrigue o governante dos Açores a pagar este desmando.

Manuel disse...

Caro Visitante, Obrigado pelo comentário e visita. Longe de mim pensar que seria um "inimigo", não se preocupe com isso é sempre bem vindo mesmo como anónimo.

Compreendo a sua situação e respeito, lembre-se que eu trabalho no porto e indirectamente para a Secretaria da Economia, por isso compreende que tenho que ter uma certa postura e não "ofender" ninguem.

Também concordo consigo, demasiadas asneiras e ninguem vai a tribunal, mas é o país que temos.

Já várias vezes tentei perceber esta história, mas é demasiado complexa e perguntas que faço a mim mesmo e tão simples não consigo ter resposta, tais como:
Quem fez este projecto? russos?? exactamente o que fez a Petrobalt e a Vyborg? enfim coisas deste tipo.

Vou ver as noticias sobre o navio.

Um Abraço,
Manuel

Anónimo disse...

As notícias não são agradáveis e confirmnam o que tinha dito.
Há outra questão maior: os russos desenharam este barco para a Madeira http://www.petrobalt.ru/en/projects/?id=6
e só o César é que torceu o nariz, com a conivência do Sócrates.

Manuel disse...

Boas, sabes que em determinada altura havia referências ao Atlantida aqui na Petrobalt e na Vyborg, mas quando voltei lá para ver já haviam sido retiradas.
A minha pergunta continua a ser a mesma quem fez o projecto? foi estes da Petrobalt? Vyborg? ou um super-hiper-mega iluminado?
Um Abraço
Manuel

Anónimo disse...

boas!

Ta no site da petroalt o que eles fieram no lobo marinho:
"Machinery and ship systems detail design (layout, piping and sketches, ventilation, cable etc.).

fizeram o projecto do arranjo da maquinaria do navio


Quero lembrar um promenor que tem passado despercebido
Meses antes da cosntruçao do Atlantida o "Socas" assinou um acordo empresarial na Russia numa visita de Negocios
Acordo que premitiu á Brisa negocios de 2000 milhoes na Russia!
AS empresas Russas caberia cooperaçao no ambito de projectos de cosntruçao naval com os estaleiros de S Petersbourg Admiralty shipyard

Manuel disse...

Obrigado pela info, muito interessante, mas diz-me uma coisa foi a Petrobalt responsavel pelo projecto do Atlântida?
alguns Amigos dizem o Atlântida tinha erros de principiante, como é isto possivel, até parece que foi um tipo como eu ( que nada percebe de construção naval) que fez o projecto, ou então um Amigo de um amigo de um tipo importante, ou amiga claro.
Abraço
Manuel