Tanto o transporte marítimo como os portos devem ser pensados, não como entidades separadas, mas como componentes
interligados, como duas peças de uma engrenagem" Koji Sekimizu , Secretário-Geral da IMO

domingo, 20 de maio de 2012

N/F "Express Santorini", e uma questão simples sobre as rampas ro-ro




Aqui ficam algumas fotos da segunda escala do ferry "Express Santorini", no porto da Graciosa, na passada sexta-feira. Durante estes últimos dias em que ouvi falar em cancelamentos de escalas de porta-contentores, fiquei a pensar no seguinte: Com as rampas nos portos açorianos , poderá em caso de  cancelamento de uma escala de um porta-contentores,  o ferry suprimir essa falha e reposicionar alguma carga contentorizada (excluindo cargas IMO), nas ilhas afectadas, em especial as 3 ilhas chamadas de periféricas?
Esta situação fez-me lembrar mais uma vez a minha convicção de que a aplicação de um sistema ferry anual, dedicado em especial ao transporte de  carga inter-ilhas, conjugado e coordenado com um serviço de porta-contentores (basicamente no sistema actual), poderia ser uma mais valia para os açores. Obviamente não sou dono da razão, mas pelo menos tenho opinião, pois dizer que os transportes estão mal, e nada de concreto dizer, será quanto a mim muito pior.
(©) Copyright fotos: MM Bettencourt, Graciosa.

2 comentários:

Fernando Henriques disse...

Amigo Manuel pois estou em pleno acordo os transportes maritimos continuam mal,o envestimento das rampas rol ron so para tres meses no verao julgo ser um mau envestimento e estam a atrufiar alguns portos,como fazer uma gar aqui no porto da Calheta e continuarmos sem ligaçao com Angra,ontem dia 19 o porto da Calheta registou um movimento de atuneiros muito engraçado pois estiveram atracados 7 traineiras ,boa noite e boa semana.

Manuel disse...

Boas amigo Fernando, tudo tem que ser bem pensado de forma a que os transportes e as obras que se realizam neste sector sejam realmente mais valias para o presente e futuro, tudo tem de ter um enquadramento, com um principio simples aproximar as ilhas.
Um Abraço,
Manuel

Não me esqueci de enviar a camara mas, as viagens teem andado trocadas, vou falar com o Mestre Manel.