Tanto o transporte marítimo como os portos devem ser pensados, não como entidades separadas, mas como componentes
interligados, como duas peças de uma engrenagem" Koji Sekimizu , Secretário-Geral da IMO

domingo, 19 de julho de 2009

Pilotagem.- (VI/VI)

Pilotagem: serviço público.


Foto cortesia dos Estaleiros Navais de Peniche e APTG,SA.
As funções de trabalho do piloto remontam-se á Grécia Antiga e aos tempos dos romanos, quando capitães experientes principalmente pescadores, ajudavam os navios a entrar nos portos em segurança para efectuarem as suas trocas comerciais. “A actividade da pilotagem é o serviço público que consiste na assistência técnica aos comandantes das embarcações nos movimentos de navegação e manobras nas águas sob soberania e jurisdicção nacionais, de modo a proporcionar que os mesmos se processem em condições de segurança"
O Piloto é um profissional, certificado como Oficial Náutico da Marinha Mercante, que desempenha as funções de conselheiro do Comandante dum navio, na condução segura do mesmo em águas restritas dum porto de escala”.
(©) Copyright imagens lanchas de Gibraltar, Lanzarote e Lisboa: Sergio Ferreira, Madeira. (©) Copyright texto: APIBARRA.

Sem comentários: