Tanto o transporte marítimo como os portos devem ser pensados, não como entidades separadas, mas como componentes
interligados, como duas peças de uma engrenagem" Koji Sekimizu , Secretário-Geral da IMO

quinta-feira, 31 de julho de 2014

"Electra", embarcando o Piloto no ferry, "Express Santorini"





© Copyright fotos: Cpt Stefanos Papadopoulos, "Express Santorini".
Vídeo: Miguel Nóia.
Algumas fotos e um vídeo, que mostram a lancha de Pilotos, "Electra", embarcando o Piloto no ferry, "Express Santorini", no porto da Graciosa.
“O Piloto da Barra é uma figura muito antiga, talvez a segunda mais antiga, como se pode observar em gravuras do antigo Egipto, em que se vêem barcas, onde o Piloto, de pé à proa, perscruta o horizonte e, enquanto que com uma das mãos empunha um prumo, com a outra assinala ao timoneiro, situado à popa, o rumo, que a cada momento deve governar.
A Pilotagem dos Portos não é só mais uma actividade dos mesmos; é uma actividade que pugna pela segurança da navegação marítimo-fluvial, pela salvaguarda da vida humana e de bens, assim como pela protecção ambiental; razões mais do que suficientes para que seja concebido como um serviço público. ”  texto : Apibarra.

Sem comentários: