Tanto o transporte marítimo como os portos devem ser pensados, não como entidades separadas, mas como componentes
interligados, como duas peças de uma engrenagem" Koji Sekimizu , Secretário-Geral da IMO

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Virtu ferries e a AUSTAL

HSC " Maria Dolores"
Numas das minhas "viagens" até á AUSTAL, olhando para a lista de construções de relativa a cátamarans de passageiros e viaturas, um deles chamou-me á atenção o HSC "Maria Dolores" entregue á empresa Maltesa, Virtu Ferries em Fevereiro de 2006, este ferrie opera entre Malta, Sicilia e Itália, a razão de me chamar á atenção deve-se ao facto de este cátamaran possuir uma porta lateral construída de origem( para além da habitual porta de popa), esta porta tem altura e largura suficiente para permitir o transporte de carga rodada, para além das viaturas. Este cátamaran tem uma capacidade para 600 passageiros e 65 viaturas ou 95 metros lineares e 35 viaturas, tem 68,4 metros de comprimento, 18,2 metros de boca, 2,6 metros de calado, uma tripulação de 6 pessoas, é propulsionado por 6 motores MTU 16 V 4000 M71, que lhe permite atingir uma velocidade de 36 nós (90% MCR).
Futuro HSC " Jean De La Valette"

No passado mês de Abril a Virtu Ferries efectuou nova encomenda á Austal, o novo catamaran irá chamar-se " Jean De La Valetta" e prevê-se a entrega para o verão de 2010, este novo catamaran terá um comprimento de 107 metros, uma capacidade de 800 passageiros e 230 viaturas, e uma velocidade que se prevê de 39 nós.
Fonte: AUSTAL/(©) Copyright fotos: AUSTAL

Sem comentários: