Tanto o transporte marítimo como os portos devem ser pensados, não como entidades separadas, mas como componentes
interligados, como duas peças de uma engrenagem" Koji Sekimizu , Secretário-Geral da IMO

sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

Centro de Treinos de Port Revel

O Centro de Treino de Port Revel, fica situado perto de Grenoble, França, é uma escola de treino para Pilotos, Comandantes e Oficiais náuticos, foi criado em 1967, pelos Labortoire Dauphinois d´Hydraulique (Sogreah), originalmente para efectuar testes á erosão do canal do Suez.
O lago de Port Revel é um lago artificial com cerca de 5 hectares que dispõe de uma frota de vários tipos de navios tripulados á escala de 1:25, além de rebocadores sendo estes controlados por via rádio.
Oferece ainda vários tipos de ancoradouros, cais, bóias, plataformas offshore, tudo em águas de diferentes profundidades, assim como geradores de vento e de ondas e navegação em canais.
Além disso o Centro dispõe de um sistema DGPS- Differential Global Positioning System que permite recorrendo a um computador para analisar o exercício e proceder a melhorias ou correcções das manobras.
Os cursos são ministrados por antigos Pilotos, tendo já formado até hoje mais de 6000 Pilotos, Comandantes e Oficiais com o fim de aumentar as suas capacidades para lidar com situações de emergência que nunca poderiam ser testadas em situações reais.
Os Pilotos Europeus e Norte Americanos estão cientes disso e representam 90% dos estudantes do Centro, sendo que um dia de curso consiste em duas horas de teoria e seis horas de navegação.
Desde de 2006 o Centro também oferece formação em Azipods (hélices azimutais).
(©) Copyright fotos: Port Revel
Fonte: Port Revel

2 comentários:

Anónimo disse...

Caro Manuel

Resolvi deixar aqui um comentário apenas porque considerei que este post pela sua importância assim o merecia.
Em várias ocasiões temos conversado sobre os três pilares, que na minha opinão assentam a profissão de piloto de barra e portos, a saber: Segurança, Equipamento e Formação.
Muitos outros poderão dizer o mesmo, é normal.
Daí a importância deste post, que como sabes, este centro de formação já começou a ser frequentado por pilotos portugueses.
Veremos quando lá irão os portugueses-açoreanos.
Abraço

Rui Carvalho

Manuel disse...

Amigo Rui, na minha humilde opinião este centro com determinado equipamento e teoria, ministra uma formação que seguramente leva a uma ainda maior segurança na Pilotagem. Quanto aos pilotos (portugueses-açorianos) espero que um dia tenham essa oportunidade tal como os seus colegas do continente que já começaram a frequentar o centro em novembro de 2009.
Um Abraço e Boas Manobras
Manuel