Tanto o transporte marítimo como os portos devem ser pensados, não como entidades separadas, mas como componentes
interligados, como duas peças de uma engrenagem" Koji Sekimizu , Secretário-Geral da IMO

quinta-feira, 30 de agosto de 2012

HSC "Hellenic Wind", despede-se do Porto da Graciosa







 
O HSC "Hellenic Wind", terminou hoje as suas escalas no porto da Graciosa, no ambito da operação ferry-2012 da responsabilidade da Atlânticoline . Este hight speed craft, termina assim a sua 4ª temporada entre nós, no primeiro ano (2009) como, "Viking", então propriedade da Steam Packet Company, Inglaterra, e nos últimos  3 anos (2010-2011-2012) como "Hellenic Wind",  propriedade do armador grego, Hellenic Seaways.
Nesta altura decorre o concurso publico internacional, lançado pela Atlânticoline, o que origina obviamente a duvida se voltarei a ver o HSC "Hellenic Wind", em operação nos Açores. Independentemente do que o futuro nos reserva, foi um navio com uma tripulação  e Staff, de grande Simpatia, e profissionalismo! Ao Cmdt Kountouris Apostolos, sua Tripulação e Staff da Atlânticoline, Um Abraço e até Breve!
(©) Copyright fotos: MM Bettencourt, Graciosa.




7 comentários:

Anónimo disse...

Da Horta despediu-se a 16 de junho de 2011...

Saludos

João Bettencourt Mendonça disse...

...e até pró ano!!!... na companhia do Santorini (para variar)!!!

Manuel disse...

Amigos veremos se sim se não!
Saludos
Manuel

Ildefonso Ávila disse...

E ficávamos bem servidos. Cumprimentos.

Manuel disse...

Caro Ildefonso, também gosto deste navio, espero que volte.
Abraço,
Manuel

Rui Carvalho disse...

Caro MMB

Muito bonito, mas muito gastador.
Como somos nós que pagamos a conta, só de gasóleo são 8.000 Euros cada vez que vai à Graciosa, espero que para o próximo ano fique fora e só lá vá o SANTORINI que gasta fuel.

Abraço

ErrE

Manuel disse...

Amigo ErrE, Never, Never, Nunca, se a Atlânticoline me fizer isso declaro guerra até à morte!

Já falamos muito sobre ferrys e transportes, e sabes bem que antes de tudo faz falta uma definição de uma política eficiente de transportes marítimos, sem essa definição daquilo que se pretende não faz sentido discutir certos questões.
Saludos
Manuel