Tanto o transporte marítimo como os portos devem ser pensados, não como entidades separadas, mas como componentes
interligados, como duas peças de uma engrenagem" Koji Sekimizu , Secretário-Geral da IMO

terça-feira, 15 de dezembro de 2009

Salvamento da tripulação do N/M "Corvo" em 2000


Recentemente quando verifiquei que uma equipa de salvamento da TITAN tinha sido nomeada pela IMO para o prémio “Coragem excepcional no mar”, pelo salvamento da tripulação do navio N/M “Fedra” encalhado em Gibraltar, fez-me vir á memória semelhante acontecimento na ilha Graciosa na noite de 15 e madrugada de 16 de Dezembro do ano 2000,quando foi necessário proceder ao salvamento da tripulação do anterior N/M “Corvo”. Após o encalhe e passado algum tempo as condições do mar foram-se substancialmente agravando-se o que aliado á especificidade do local de forte rebentação e á grande e notória instabilidade que o navio demonstrava, começou a pôr em risco a vida da tripulação que então decidiu abandonar o mesmo, tendo inclusive lançado uma balsa salva-vidas, que acabou por não ser utilizada, o salvamento da tripulação é então feito com grande dificuldade mas com elevada destreza num acto de solidariedade pelo Sr. Victor Fonseca ( dono da Gracipescas) tripulando um pequeno semi-rigido, propriedade do Sr. Alvaro, que também o acompanhou nesta aventura, a pequena mas ágil embarcação aguardava o momento certo para se aproximar da popa do navio, por vezes era necessário várias tentativas para recolher um a um os elementos da tripulação que desciam através de uma escada quebra-costas, retirados os tripulantes eram posteriormente colocados na lancha “Manu” do Sr. João P. Ataíde, e trazidos para terra firme. O navio poucos dias depois começou a ser desmantelado pelo mar, mas mais importante que o navio ou a sua carga eram sem qualquer tipo de dúvida a VIDA daquela tripulação, e essa foi preservada, naquela noite de desgraça, material e humana, veio ao decima também aquilo que o ser humano tem de melhor, a sua força e abnegação em ajudar o outro sem pensar em si próprio.
(©) Copyright foto: 2ª A. Bettencourt, Graciosa; 1ª Gracipescas;3ª Google Sat./(©) Copyright texto: MM Bettencourt.

6 comentários:

amg disse...

e se começarmos a recordar o transbordo de passageiros para essa ilha no Inverno nas décadas de 50 a 70, ou o trabalho (infelizmente)em vias de esquecimento dos mestres da Transmaçor na evacuações do Pico com mau mar, então ...
Enfim, fico por aqui nos comentários.

Manuel disse...

Caro Amigo António, Obrigado pelo comentário, tem toda a razão, o trabalho dos mestres das lanchas nas evacuações mereceria um reconhecimento publico( não sei se foi feito) pela coragem que salvou vidas concerteza.
Cumprimentos e volte sempre
Manuel

Pseudocodigo disse...

Gabinete do Chefe do Estado-Maior da Armada
Portaria n.o 427/2007
Manda o Chefe do Estado-Maior da Armada, em harmonia com a proposta do director do Instituto de Socorros a Náufragos, que seja concedida a medalha de cobre de coragem, abnegação e humanidade a Luís Paulo Medina Garcia, António Manuel Garcia e José Alberto da Silveira pela pronta decisão, coragem, altruísmo e sentido de humanidade demonstrados na acção de salvamento realizada no porto do Comprido, ilha do Faial, na madrugada de 1 de Outubro de 2005, onde, tripulando a embarcação de recreio Marshall e pondo em perigo a própria vida devido às condições de mar alteroso que tiveram de enfrentar, com a utilização de um aparelho lança-cabos e de bóias circulares, conseguiram resgatar com vida dois pescadores desportivos que se encontravam isolados em cima de rochedos e sem possibilidades de regressar a terra pelos seus próprios meios, constituindo esta acção um importante serviço no salvamento de náufragos. 19 de Abril de 2007.—O Chefe do Estado-Maior da Armada, Fernando José Ribeiro de Melo Gomes, almirante.

Manuel disse...

Caro Visitante, Agaradeço a sua visita e comentário relatando um facto que desconhecia, mas merecedor dos mais rasgados elogios, e Grande admiração por esses homens. Para além destas histórias haverá concerteza outras, de Homens de grande Coragem.
Cumprimentos e volte sempre
Manuel

Anónimo disse...

When will you post again ? Been looking forward to this !

Anónimo disse...

Era capaz de jurar que o resgate da tripulação tinha sido efectuada durante a madrugada pela tripulação do NRP JOÃO COUTINHO F475...