Tanto o transporte marítimo como os portos devem ser pensados, não como entidades separadas, mas como componentes
interligados, como duas peças de uma engrenagem" Koji Sekimizu , Secretário-Geral da IMO

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Navio "Daniela B", em Las Palmas, Gran Canária

Uma bonita e colorida foto do navio porta-contentores "Daniela B", da Boluda Lines, no porto de Las Palmas, Gran Canária. Uma simpática partilha do Amigo, Juan Carlos D. Lorenzo,  historiador e escritor Canário, com uma vasta obra publicada.

5 comentários:

P. Gomes disse...

Um porta contentores de 1036 TEUS este "Daniela B". Interessante este grupo Boluda que conta por exemplo com uma frota de mais de 200 rebocadores prestando serviço em portos de várias partes do mundo incluindo as Canárias onde também operam os seus porta contentores. É o que se chama um serviço completo. Na frota de porta contentores desta companhia contam-se alguns de bandeira portuguesa registados na Madeira como é o caso do "Veronica B" e do "Beatriz B", uns gémeos de 159,80 metros de comprimento (mais compridos que o "Daniela B" da foto) e capacidade para 984 TEUs.
Mais info em: http://www.boluda.com.es/

Manuel disse...

Boas P. Gomes, para ser sincero nunca fiz uma pesquisa sobre este operador, mas vou fazer deixaste-me bem curioso, por acaso tenho em arquivo uma foto do amigo Juan Carlos do "Veronica B". 200 rebocadores, nada mau!
Um Abraço,
Manuel

P. Gomes disse...

Manuel: 205 rebocadores para ser mais exacto. E atenção que eles têm estaleiros de reparação e construção naval e uma das especialidades é mesmo a construção de rebocadores. Parece uma versão de "SMIT" espanhola em termos de negócio de rebocadores...

P. Gomes disse...

Manuel, atenção que eles já tiveram mais do que um "Veronica B". O actual já foi o "Ruiloba" registado em Santa Cruz de Tenerife. Foi construido em Vigo nos estaleiros que fizeram os ferrys da ARMAS. O "Veronica B" anterior foi desmantelado.

Manuel disse...

Amigo P. Gomes, vou publicar a foto do Veronica B. Por falar em estaleiros, frota de reboques, fiquei a pensar, nós por cá vamos no sentido contrario, ou seja fechar estaleiros, reduzir frota, enfim qualquer dia do pouco já não temos nada.
Um Abraço e Obrigado
Manuel