Tanto o transporte marítimo como os portos devem ser pensados, não como entidades separadas, mas como componentes
interligados, como duas peças de uma engrenagem" Koji Sekimizu , Secretário-Geral da IMO

sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

Conheça os excelentes interiores do novo ferry, "Mestre Simão"


© Copyright fotos: Atlânticoline; Miguel Nóia.
Os novos ferrys da Atlânticoline, nomeados de, "Mestre Simão" e "Gilberto Mariano", recentemente chegados aos Açores, em breve estarão ao serviço das populações das chamadas ilhas do triângulo. Será certamente um significativo upgrade ao actual serviço, quer pelas excelentes condições de conforto e segurança que irão usufruir os seus passageiros, mas também pela implementação de uma verdadeira,  "ponte" entre as 3 ilhas (Faial, Pico, S. Jorge), em virtude da sua vertente ferry. Este processo representa uma nova visão daquilo que quanto a mim deve ser as ligações marítimas inter-ilhas,  baseada no conceito ro-pax. Para quem não pode ter  pontes, esta é sem dúvida a melhor alternativa, em vez de circular com carro na ponte, é a ponte que circula com o carro, nada mais simples!
De realçar que este processo de construção dos novos ferrys, levado a cabo pela actual Administração da Atlânticoline, presidida pelo Dr Carlos Reis, conseguiu algo de  extraordinário em concursos públicos, que foi o facto de este  não ter registado derrapagens orçamentais e de as construções terem sido concluídas dentro do prazo previsto. Algo que deve servir de exemplo mesmo para outros contratos públicos que nada tenham a ver com navios.
Publico algumas fotos dos excelentes interiores do ferry "Mestre Simão", estas imagens vão desde a enfermaria (que oferecerá maior privacidade aos doentes e acompanhantes), casa das máquinas, camarotes, cozinha, wc´s, decks e ponte de comando que me deixou encantado. Não podendo avaliar questões técnicas, posso contudo ter opinião sobre o que vejo, e esta não podia ser melhor, apetece-me fazer uma  viagem!
Nome: Mestre Simão
Nº IMO: 9690482
Ind. chamada: CSLX 
Bandeira: Portuguesa
Porto de registo: Horta
Tipo: Passgeiros
T.A.B.: 748
D.W.T.: 224
Comprimento: 40 mts
Boca:10,75 mts
Máquinas (2): MTU Friedrichshafen GmbH  - 16V4000M63L (3,046 hp) at1,800 rpm.
Potência total: 4,480kW (6,092hp)
Velocidade máxima no teste de navegação de, 16,7 nós, tendo atingido com carga total 16,34. Quanto à velocidade de serviço, deverá situar-se nos 14-14,5  nós.
Operador: Atlanticoline SA
Estaleiro: Astilleros Armon SA - Navia casco nº 734
Sociedade Classificadora: BUREAU VERITAS















4 comentários:

F.Henriques disse...

Amigo Manuel,apresenta ser um luxo gostei ,quando estiverem a trabalhar e logo que puder vou fazer uma viagem.Abraço e Bom Ano

Manuel Bettencourt disse...

Boas Amigo Fernando Henriques,

Estou também com vontade de fazer uma viagem!

Abraço e um Bom Ano Novo!
Manuel

antonio sáez disse...

Excelente y amplio reportaje que nos permiten conocer este compacto buque que rendirá gran servicio al triángulo.
Deseamos que esta solución se extienda (con nuevos buques) al resto de las Azores.

Manuel Bettencourt disse...

Amigo Saez,

Venha me fazer companhia numa viagem nos novos ferrys!

Abraço,
Manuel