Tanto o transporte marítimo como os portos devem ser pensados, não como entidades separadas, mas como componentes
interligados, como duas peças de uma engrenagem" Koji Sekimizu , Secretário-Geral da IMO

quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

M/V "Cape Ray", o ro-ro onde serão desmanteladas as armas quimicas sírias

© MV Cape Ray: Image Wiki CCL .
Pesquisa de dados técnicos: Paulo Peixoto, Boston EUA
Nome: CAPE RAY.
IMO: 7530810.
Indicativo: KAFI.
Bandeira: Estados Unidos da America.
Porto de Registo: Norfolk, Virginia.
Donos e Operadores: Military Sealift Command/Governo Americano- Washington, DC. EUA.
Ano de Construcao: 1977.
Estaleiro: Kawasaki Heavy Industries Ltd.- Sakaide, Japao. Casco#1258.
Comprimento Fora a Fora: 197,52 metros.
Boca: 32,26 metros.
Calado: 10,02 metros.
Arqueacao Bruta: 31,236 toneladas.
Porte Bruto: 22,735 toneladas.
Potencia Total de Maquinas: 20,594 kw (28,000 hp), 1 helice CP.
Velocidade de Servico: 19,75 nos.

Nomes Anteriores: Seaspeed Asia (1977-1981) e Saudi Makkah (1981-1993).
Por estes dias, este será o  navio mais falado na comunicação social, trata-se ro-ro, "Cape Ray", um navio militar norte-americano onde serão desmanteladas as armas químicas Sírias. As ultimas notícias dão conta de que a operação de transbordo terá lugar num porto mediterrânico, sendo assim a operação poderá não se efectuar no porto da Praia da Vitória, como foi aventado. 
" Em nenhum caso, está previsto o afundamento dos materiais, pois tal está expressamente proibido pelas convenções internacionais e seria impensável no âmbito de uma operação aprovada pela ONU. 
Será a bordo do navio norte-americano que se procederá à dissolução de uma parte dos agentes quimicos, de forma a ficarem inertes, num processo comparável ao da separação de componentes. Ainda no alto-mar existem possibilidades técnicas para a incineração dos resíduos que, finalmente, também podem ser encaminhados para unidades fabris especializadas na Rússia, Estados Unidos ou Alemanha." IN PÚBLICO AQUI

Sem comentários: