Tanto o transporte marítimo como os portos devem ser pensados, não como entidades separadas, mas como componentes
interligados, como duas peças de uma engrenagem" Koji Sekimizu , Secretário-Geral da IMO

quinta-feira, 7 de maio de 2015

Grande operação de salvamento marítimo a 500 milhas a sul dos Açores - Marinha Portuguesa


O Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Ponta Delgada (MRCC Delgada), em articulação com o Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Aéreo das Lajes (RCC Lajes), encontra-se a coordenar, desde a madrugada de ontem, 06 de maio, as operações de busca e salvamento de 14 tripulantes de 5 veleiros que navegavam a cerca de 500 milhas náuticas (930 km) a Sul do arquipélago dos Açores.

Os alertas começaram a ser recebidos no MRCC Delgada cerca das 02h00, resultantes das condições meteorológicas muito adversas que se fazem sentir no Atlântico-Norte, comprometendo a capacidade de navegar por parte das embarcações e obrigando-as assim a pedir socorro.

A esta hora estão concluídas 3 das 5 missões de salvamento, tendo sido recolhidos 8 tripulantes. Quatro desses tripulantes foram recuperados pelo helicóptero EH-101 da Força Aérea Portuguesa (FAP) numa exigente missão, que durou cerca de 12 horas sob ventos na ordem dos 50 nós (cerca de 90 km/h) e ondulação de 10 metros que muito dificultaram a operação de resgate. Os outros quatro foram recolhidos por dois navios mercantes que foram dirigidos para local pelo MRCC Delgada, e que os recolheram para bordo com sucesso.

Encontram-se neste momento a decorrer as operações de resgate de 6 tripulantes de dois veleiros, entre as quais duas crianças, salvamento que se espera vir a concretizar durante as próximas horas.

Foram empenhados nesta missão, duas aeronaves C-295M e um helicóptero EH-101 Merlin da Força Aérea Portuguesa (FAP), verificando-se ainda a necessidade de reforçar estes meios com uma aeronave C-130J da Guarda-Costeira norte-americana. 
Estes meios encontram-se nos Açores, no âmbito do exercício de busca e salvamento SAREX 15, que foi entretanto suspenso face ao empenhamento destes meios aéreos nas 5 missões reais.

© Copyright texto: Marinha Portuguesa.

Sem comentários: